Perolândia: Dr. Jhonatta dispara na liderança da corrida para a Prefeitura de Perolândia com 62,87%

Ademim Santos atingiu 25,44% das intenções de votos. 11,69% dos entrevistados não souberam ou não responderam

Prefeito Jhonatta

O atual prefeito de Perolândia, Dr. Jhonatta Cortez (Democratas), segue com larga vantagem na corrida para a Prefeitura e está com 62,87% das intenções de votos dos eleitores entrevistados em pesquisa realizada por Mellemberg Consultoria e Assessoria LTDA. O adversário, Ademim Santos (PT), somou 25,44% da preferência dos abordados. 11,69% não souberam ou não responderam. Os dados citados acima foram coletados na pergunta estimulada, quando os nomes dos candidatos são apresentados aos eleitores.

Os respondentes também disseram em quem votariam de forma espontânea, sem que o condutor da pesquisa citasse as opções. Nessa modalidade Dr. Jhonatta chegou a 62,28% e Ademim Santos a 22,81% das intenções. 14,91% não souberam ou não responderam.

Cada eleitor abordado também disse em quem dos candidatos não votaria de jeito nenhum. Ademim Santos é rejeitado por 40,64% dos eleitores, enquanto o atual prefeito Dr, Jhonatta não seria o escolhido de 20,18%. 39,18% não souberam ou não responderam à pergunta.

A pesquisa

A empresa Mellemberg Consultoria e Assessoria LTDA entrevistou 342 pessoas no dia 14 de outubro de 2020 em todos os bairros do município de Perolândia. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número GO-00438/2020. O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro estimada é de 5% para mais ou para menos.

A metodologia é a pesquisa quantitativa, com entrevistas pessoais no município de Perolândia- Goiás, com questionário elaborado de acordo com os objetivos da pesquisa. O universo (população de interesse) é constituído pelos eleitores registrados em Perolândia, com idade igual ou superior a 16 anos (3.005 eleitores, de acordo com dados de 07/2020 do TSE).

O plano amostral é por cotas proporcionais, considerando as variáveis: sexo, faixa etária, grau de instrução e nível econômico, estabelecidas de acordo com dados do TSE (07/2020) e IBGE (2010). A coleta de dados é feita em campo com o uso de tablets (questionário com questões espontâneas e estimuladas), enviando as coletas diretamente do campo para a base de dados das entrevistas. A equipe é formada por cinco entrevistadores treinados e no mínimo 10% dos questionários são selecionados, aleatoriamente, para checagem dos dados a partir do contato telefônico com os entrevistados.

Sexo: Masculino 51,91%; Feminino 48,09%. Idade: 16 a 24 anos 14,37%; 25 a 34 anos 20,23%; 35 a 44 anos 21,41%; 45 a 59 anos 24,93%; 60 anos ou mais 19,06%. Grau de instrução: Analfabeto/Fundamental 52,49%; Médio 34,61%; Superior 12,90%. Nível Econômico: Até um salário mínimo 63,05%; Mais de um a dois salários mínimos: 23,17%; Mais de dois a cinco salários mínimos: 10,56%; Mais de cinco salários mínimos: 3,24%. Mais informações sobre a pesquisa podem ser encontradas no site do TSE em: www.tse.jus.br/eleicoes/pesquisa-eleitorais/c