Estado: Convenção oficializa candidatura de Marconi à reeleição

Marconi Perillo com Aécio Neves

Marconi Perillo com Aécio Neves

Foi homologada, na manhã deste sábado (28/6), a candidatura do governador Marconi Perillo à reeleição. Na convenção estadual do PSDB e partidos aliados, a chapa majoritária foi apresentada a milhares de militantes, no Goiânia Arena.

Com a presença do pré-candidato à presidência da república Aécio Neves, de senadores, deputados federais e estaduais, prefeitos e lideranças da base aliada, composta oficialmente por 17 partidos, a chapa encabeçada pelo governador Marconi Perillo foi homologada. Agora, ele tentará se reeleger em outubro, ao lado de José Eliton (PP), na vice, e Vilmar Rocha (PSD) ao Senado.

Em clima de festa, a cerimônia foi aberta pela cantora Roberta Miranda, que cantou o hino nacional e homenageou Marconi cantando “Vá Com Deus”. Ela declarou apoio ao peessedebista e afirmou que os dois são “amigos de muito tempo”.

Na sequência de falas, representantes dos vereadores e prefeitos da base aliado subiram ao palco para enaltecer o trabalho do governador, desejando sucessos e que ele conquiste o “tetra”.

O jogo do Brasil contra o Chile, que ocorre neste sábado (28) com certeza afetou a programação. Os discursos foram breves e era possível sentir a inquietude natural dos presentes.

O presidente da Assembleia Legislativa, Helder Valin (PSDB), fez discurso caloroso, também agradecendo o governador e declarou que Goiás é “outro Estado” após a Era Marconi.

Em seguida, um dos principais aliados do governador, Jovair Arantes economizou palavras e se reservou a apenas desejar boa sorte, confirmando que PTB está com ele.

Representando os senadores de Goiás, Ciro Miranda reforçou o “Padrão Marconi” de obras e criticou o governo do PT, afirmando “vamos arrancar esse partido sujo da presidência”.

Ainda na bancada majoritária, Lúcia Vânia parabenizou a militância ali presente e enalteceu o PSDB: “É preciso mostrar para o povo brasileiro que política não se faz comprando votos, não se faz com esperteza. Nós temos que defender o legado do governo estadual, que modernizou o estado, transformou crises em oportunidades”.

Homenagens

Um dos momentos altos do evento foi a exibição de depoimentos de lideranças nacionais, em apoio à reeleição do governador. O senador Aloysio Nunes, o ex-governador de São Paulo, José Serra, o atual governador de SP, Geraldo Alckmin e o ex-presidente do Brasil Fernando Henrique Cardoso prestaram, em vídeo, suas homenagens a Marconi.

FHC afirmou que Marconi foi o criador do Bolsa Família e que ele “renovou e modernizou o Estado de Goiás”.

Chapa

O primeiro dos pré-candidatos a falar foi o atual vice-governador, José Eliton (PP), que, muito entusiasmado, enalteceu a atual gestão e disse que a próxima eleição é, mais uma vez, a disputa do “futuro, do novo”, contra “o passado, o retrocesso” – uma clara crítica ao também pré-candidato pelo PMDB, Iris Rezende. “Este é o Goiás que os goianos querem viver”, arrematou o vice.

Vilmar Rocha agradeceu a presença de todos e pediu salva de palmas às lideranças, pedindo união da base para o projeto maior.

Estrela do evento, o governador Marconi subiu ao palanque ovacionado. Ressaltou os feitos da atual gestão e afirmou que “gosta de governar”. “Governo fazendo bem as pessoas. Sou candidato novamente, pois aceitei o desafio de modernizar e elevar Goiás a níveis jamais vistos antes”, falou emocionado.

“O desafio do quarto mandato vai ser consolidar, de uma vez por todas, Goiás como centro do País. Antes, éramos um Estado periférico, hoje, somos a força no coração do Brasil!”, discursou.

Para finalizar a convenção, o presidente nacional do PSDB e pré-candidato ao Planalto, Aécio Neves, agradeceu o convite de Marconi, e prestou homenagens ao amigo: “É bonito vir a Goiás e ver esse reconhecimento do seu trabalho, Marconi”.

Aécio afirmou que há 60 anos coube a um mineiro, Juscelino Kubitschek, dar atenção ao Centro-Oeste. “Eu quero garantir que agora, 60 anos depois, será mais uma vez um mineiro a ajudar Marconi a desenvolver ainda mais o Estado de Goiás”, afirmou.

“Desejo sucesso nesta caminhada e por cada canto do Brasil que eu passar, haverá um coração mineiro e goiano a pulsar. Meu coração também é goiano”, finalizou o mineiro.